Quais são as características de uma gestão escolar de sucesso?

As instituições de ensino crescem em número e em qualidade no Brasil. Com a queda no padrão do ensino público, a rede educacional privada conquistou um grande espaço na sociedade, atendendo às necessidades de uma quantidade cada vez maior de alunos que buscam educação de qualidade.

 

Para realizar uma boa gestão escolar, o educador deve estar atento a alguns pontos importantes, que devem pesar em sua avaliação e controle. Confira a seguir algumas características de uma boa gestão escolar!

 

Olhar atento às metas de aprendizagem

 

Esse olhar atento está relacionado à análise que a avaliação externa faz de sua instituição de ensino. Quando as escolas recebem notas baixas de avaliação, os responsáveis começam a trabalhar no sentido de melhorar a qualidade do ensino. O ideal, no entanto, é que o gestor se antecipe a isso, para que sua instituição já receba notas satisfatórias quando for avaliada.

 

O gestor deve conhecer seu próprio ambiente de ensino e avaliar se ele é realmente favorável ao desenvolvimento dos alunos, se há infraestrutura e materiais pedagógicos suficientes para que isso aconteça.

 

As provas de avaliação permitem identificar os pontos fortes e fracos da instituição, permitindo uma revisão do planejamento pedagógico e a implementação de melhorias.

 

Integração de todas as áreas de atuação

 

Integração é uma palavra-chave para toda empresa. Em uma escola, podem ser consideradas oito áreas:

 

  • A gestão pedagógica;
  • A parte administrativa propriamente dita;
  • O controle financeiro;
  • A administração da infraestrutura;
  • A gestão da comunidade;
  • A gestão de recursos humanos e relações pessoais;
  • A gestão dos resultados escolares;
  • A gestão do relacionamento com a rede escolar.

 

Uma pesquisa comprovou que as instituições de ensino de maior sucesso conseguiram integrar todas essas áreas. Para obter essa integração, o gestor precisa:

 

  • Observar o relacionamento diário que existe entre alunos, professores e funcionários;
  • Montar um quadro com a 8 áreas de gestão, fazendo projeções e anotando os processos relacionados e os profissionais responsáveis por cada uma;
  • Questionar ações e procedimentos;
  • Elaborar e acompanhar com sua equipe o projeto pedagógico;
  • Discutir com todos os funcionários os desvios de função.

 

Formação e desempenho dos gestores

 

Os gestores precisam estar aptos a exercer suas funções. Para isso, é necessário contar com cursos de graduação e especialização, como os de Pedagogia, Administração Escolar e outros. Os gestores devem sempre se atualizar sobre as reformas na legislação educacional e apresentar desempenho conforme o nível da instituição e suas necessidades.

 

Um provérbio popular diz: “o olho do dono é que engorda o gado”. Quando o gestor se compromete com sua atividade e possui capacidade para exercê-la, as possibilidades de a escola crescer serão bem maiores.

 

Por isso, o bom gestor deve:

 

  • Informar-se sobre cursos disponibilizados pelo MEC ou pela rede;
  • Conhecer os propósitos da instituição e esforçar-se para atingi-los;
  • Ler textos de outras áreas (Sociologia, Economia, Antropologia, Administração);
  • Conversar com a comunidade para ficar a par dos acontecimentos que possam repercutir na vida dos alunos e na própria escola.

 

Investimento em tecnologia

 

Não se pode falar em desenvolvimento e gestão escolar sem citar a tecnologia, incluindo as mídias digitais. No campo educacional, a tecnologia estava relacionada aos aparelhos de vídeo/áudio, aos computadores e aos equipamentos de laboratório. Hoje, é preciso ir além e adotar softwares de gerenciamento para otimizar o fluxo das informações e conhecer mais a fundo o histórico de um aluno, considerando seus pontos fortes e fracos.

 

É possível criar um banco de dados e investir em um ponto especifico na sua metodologia de ensino, tornando mais produtiva sua atividade em sala de aula.

 

A tecnologia está intimamente relacionada à educação e cabe ao gestor aproveitar todas as oportunidades para garantir a máxima integração entre ambas.

 

E você, o que pensa sobre a gestão escolar? Quais desses pontos considera mais importantes? Aproveite e deixe seu comentário sobre o post!

Veja Também

QUERO DESCONTO %

    QUERO DESCONTO